SOBRE BIOS

A BIOS.CV – Conservação do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável é uma equipa composta por um leque de profissionais (incluindo voluntários a investigadores), que têm estado a trabalhar em estudos de conservação e proteção da biodiversidade de Cabo Verde há mais de uma década. Porém em finais de 2012 estes profissionais decidiram criar o novo grupo, a BIOS.CV.

A BIOS.CV tem como objetivos a conservação, estudo e proteção do ambiente (habitats e espécies), a promoção do desenvolvimento sustentável das comunidades locais, bem como iniciativas educacionais e culturais sobre a natureza e cultura de Cabo Verde.

As nossas áreas de pesquisa incluem: as tartarugas marinhas (monitoramento das atividade de nidificação da tartaruga comum, Caretta caretta, e estudo de juvenis da tartaruga verde Chelonia mydas, e de-casco-levantado Eretmochelys imbricata), mamíferos marinhos (monitoramento de baleias-de-bossas Megaptera novaeangliae nas costas da Boa Vista e registro de encalhe de cetáceos), aves (censos de guincho Pandion haliaetus, rabo-de-junco Phaethon aethereus e passarão Neophron percnopterus, e várias espécies de aves marinhas especialmente a situação muito critica do rabil Fregata magnificens). Também estamos envolvidos em atividades de conservação das áreas protegidas (ecossistemas costeiros e zonas húmidas), definição de diretrizes do ecoturismo (tartarugas, baleias, pássaros e corais) e informação, atividades educacionais, formação e sensibilização dirigidas à população local e visitantes.